Tag: menino jesus (page 1 of 3)

Fugida para o Egito

Meditação para a Segunda-feira da 5ª Semana depois da Epifania. Fugida para o Egito

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus 2, 13-15

Depois de partirem, o anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse-lhe: «Levanta-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito e fica lá até que eu te avise, pois Herodes procurará o menino para o matar.»

E ele levantou-se de noite, tomou o menino e sua mãe e partiu para o Egito, permanecendo ali até à morte de Herodes. Assim se cumpriu o que o Senhor anunciou pelo profeta: Do Egito chamei o meu filho.

Continue reading

O berço do Salvador: Escola de Humildade

Meditação para a Segunda-feira da 3ª Semana depois da Epifania. O berço do Salvador: Escola de Humildade

Meditação para a Segunda-feira da 3ª Semana depois da Epifania

SUMARIO

Como o Verbo Encarnado veio à terra para ser o nosso mestre, como o meditamos, receberemos dEle,  no seu berço, uma lição de humildade. Consideraremos:

1.° Que neste estado nos ensina a humildade;

2.° Que devemos pôr em prática este divino ensino.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De pedir muitas vezes ao Menino Jesus a coragem de nunca consultarmos o amor-próprio, e de nunca diligenciarmos atrair a atenção e o louvor;

2.° De praticar todas as nossas ações com o intuito de obter a humildade.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra do Nosso Senhor:

“Aprendei de mim, que sou humilde de coração” – Discite a me quia… humilissum corde (Mt 11, 29)

Continue reading

Reconhecimento e confiança para com Ele

Meditação para o Sábado da 2ª Semana depois da Epifania. Reconhecimento e confiança para com Ele

Meditação para o Sábado da 2ª Semana depois da Epifania

SUMARIO

Consideraremos hoje:

1.° O reconhecimento;

2.º A confiança que devemos ao Menino Jesus no berço.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De termos muitas vezes aspirações de reconhecimento e de amor para com o divino Menino;

2.° De nunca nos deixarmos abater nem entristecer pelas nossas fraquezas, mas de nos animarmos incessantemente a ter uma vida melhor e a confiar no socorro de Jesus.

O nosso ramalhete espiritual será o cântico da Igreja:

“Quem não retribuirá amor com amor a um Deus tão cheio de ternura?” – Sic nos amatem quis non redamaret?

Continue reading

Admiração e amor para com o Menino Jesus

Meditação para a Sexta-feira da 2ª Semana depois da Epifania. Admiração e amor para com o Menino Jesus

Meditação para a Sexta-feira da 2ª Semana depois da Epifania

SUMARIO

Depois das considerações gerais que ocuparam as nossas precedentes orações, meditaremos agora os primeiros anos de vida do Verbo Encarnado sobre a terra, e consideraremos quanto a Sua santa infância merece:

1.° A nossa admiração;

2.° O nosso amor.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De praticarmos todas as nossas ações por amor do Menino Jesus e com o intuito de Lhe agradar;

2.° De multiplicarmos o mais possível as aspirações de admiração e de amor para com Ele, e de conservarmos a Sua lembrança nos nossos corações.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra de São Bernardo:

“Quanto mais pequeno Jesus se faz, tanto mais amável é” – Parvulus Dominus et amabilis nimis

Continue reading

Procedimento de Herodes

Meditação para o 1º Domingo depois da Epifania. Procedimento de Herodes

Meditação para o 1º Domingo depois da Epifania

SUMARIO

Depois de termos estudado a felicidade dos reis magos, meditaremos agora a conduta de Herodes nesta conjuntura. Assinalam-a três caracteres:

1.° A sua turbação sabendo do nascimento do Messias;

2.° A sua hipocrisia;

3.° A sua ilusória esperança.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De nos afeiçoarmos a Deus só e de nos dirigirmos sempre a Ele sem rodeios nem dissimulação;

2.° De confiarmos na Sua providência no meio de todos os acontecimentos.

O nosso ramalhete espiritual será a máxima do Espírito Santo:

“O afeto de Deus é para os que andam em simplicidade” – Voluntas ejus in iis qui simpliciter ambulant (Pr 11, 20)

Continue reading

Volta dos Magos

Meditação sobre a Volta dos Magos

SUMARIO

Concluiremos as nossas meditações sobre os magos considerando:

1.° A sua despedida de Jesus, de Maria e de José;

2.° O regresso à sua terra;

3.° A sua conduta depois do seu regresso.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De protestarmos muitas vezes no dia o Nosso Senhor, que não queremos já viver senão para Ele;

2.° De nos animarmos, em cada uma das nossas obras, a fazê-las com a maior perfeição.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra que o Evangelho diz dos magos:

“Voltaram por outro caminho para a sua terra” – Per aliam vian reversi sunt in regionem suam (Mt 2, 12)

Continue reading

Vida Santa dos Magos em Belém

Meditação sobre a Vida Santa dos Magos em Belém

SUMARIO

Meditaremos sobre a estada dos magos em Belém, e veremos:

1.° Quão santamente ali viveram;

2.° Como podemos imitá-los.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De fazer no dia uma visita ao Santíssimo Sacramento, a exemplo dos magos visitando o Menino Jesus no presépio;

2.° De nos conservarmos o mais possível no espírito de contemplação e de união com Deus.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra da Imitação:

“Estar com Jesus, é um delicioso paraíso” – Ecce cum Jesu dulcis paradisus (II Imitação de Cristo 8, 2)

Continue reading

Ofertas dos Magos

Meditação sobre a Ofertas dos Magos

SUMARIO

Meditaremos:

1.º Nas ofertas que os magos fazem ao Menino Jesus;

2.° Nas ofertas que devemos fazer-lhe também.

— Tomaremos depois a resolução:

1.º De oferecer com frequência, durante o dia, a nossa adoração e o nosso amor ao Deus do presépio, em união com os magos;

2.° De incitar, nas nossas orações, o fervor destes piedosos reis.

O nosso ramalhete espiritual será a antiga oração da Igreja de Paris:

Ao Menino Jesus o ouro da caridade, a mirra da mortificação, e o incenso da oração (1)

 

Continue reading

“Gloria in Excelsis Deo!”

Meditação para o Dia 25 de Dezembro

Os anjos cantaram no presépio de Belém:

“Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade” – Gloria in excelsis Deo et in terra pax hominibus bonae voluntatis

Jesus baixou à terra. O Príncipe da paz veio estabelecer o seu reino de Amor e de Misericórdia. E nos dirá:

“Eu vos dou minha paz!”

Continue reading

Decreto eterno quanto ao modo da Encarnação

Meditação para a Terça-feira da 2ª Semana do Advento. Decreto eterno quanto ao modo da Encarnação

Meditação para Terça-feira da 2ª Semana do Advento

Sumário

Era já em Deus uma bondade infinita ter, desde toda a eternidade, decretado salvar-nos, e salvar-nos pela Encarnação; mas eis que agora se oferece às nossas meditações outro prodígio. Porque meio salvará o Verbo Encarnado o homem? A Santíssima Trindade decide em seus conselhos, que será:

1.° Pela humilhação;

2.° Pelo sofrimento;

3.° Pela morte.

— Depois de ter meditado estes profundos mistérios, tomaremos a resolução:

1.° De aceitar de bom grado todas as humilhações e frustradas esperanças do amor próprio, que nos sobrevierem;

2.° De submetermo-nos a todas as cruzes e provas da Providência;

3.° De oferecermo-nos a Deus como vítimas dignas da morte em virtude do pecado – Stipendia peccati mors (Rm 6, 23).

O nosso ramalhete espiritual será a palavra do Apóstolo:

“Fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho” – Cum inimici essemus, reconciliati sumus Deo per mortem Fili ejus (Rm 5, 10)

Continue reading

« Older posts

© 2020 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑