Felicidade do homem pela Encarnação

Sábado. Felicidade do homem pela Encarnação

Meditação para o Sábado da 2ª Semana do Advento

Sumário

Meditaremos os grandes bens que nos provêm da Encarnação do Verbo, e consideraremos o Verbo Encarnado:

1.° Como consolador das nossas aflições;

2.° Como médico caridoso que cura todas as nossas misérias.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De recorrer em todas as nossas aflições a Jesus Cristo como único e verdadeiro consolador;

2.° De não nos afeiçoarmos aos falsos bens da terra, mas a Jesus Cristo só.

O nosso ramalhe espiritual será a palavra do Salvador:

Venite ad me omnes qui laboratis et onerati estis, et ego reficiam vos – Vinde a mim todos os que andais em trabalho, e vos achais carregados, e eu vos aliviarel (Mt 11, 28)

Continue reading

Almas Reparadoras

Meditação para o Dia 15 de Dezembro

Hoje, mais do que em tempo algum, o mundo, para se salvar, tem necessidade de almas generosas, de almas reparadoras.

“A necessidade de reparar – escreve o admirável Pe. Plus, S. J. (1) – não se impõe somente como dedução dos princípios sobre que assenta a nossa fé católica e, especialmente, a doutrina do Corpo Místico e o Dogma da Redenção, impõe-se também como consequência forçosa de um ensinamento formal, constante e muitas vezes repetido de Nosso Senhor! Não nos soa ao ouvido a palavra de Jesus: – Fazei penitência! Fazei penitência! Que é a penitência? Reparação. Continue reading

Glória do homem pela Encarnação

Sexta-feira. Glória do homem pela Encarnação

Meditação para Sexta-feira da 2ª Semana do Advento

Sumário

Meditaremos a glória que provém ao homem da Encarnação do Verbo, e veremos:

1.° Que ela eleva o homem em Jesus Cristo ao apogeu da grandeza;

2.° Que o coloca, sob vários aspectos, em um estado melhor do que antes da queda de Adão.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De respeitar e conservar sempre puro o nosso corpo, já que o Verbo Encarnado tanto o honrou;

2.° De crescer todos os dias no amor de Nosso Senhor, que tanto nos amou, e de multiplicar os nossos atos de amor de dia e de noite.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra da Igreja:

O felix culpa, quae talem ac tantum meruit habere Redemptorem – Ó feliz culpa, que nos mereceu ter um tal Redentor! (Benedictio cerei paschalis)

Continue reading

Abismo sobre Abismo

Meditação para o Dia 14 de Dezembro

Meditemos com Santa Margarida Maria os abismos insondáveis do Coração de Jesus. Eis como ela nos fala, com tanta eloquência, desses abismos:

“O Coração de Jesus é um abismo de amor, onde havemos de abismar todo o amor-próprio que em nós existe, com todas as suas produções más, isto é, respeitos humanos e desejos de nos satisfazer. Se estais no abismo da pobreza e desnudados de vós mesmos, ide abismar-vos no Coração de Jesus. Ele vos enriquecerá. Se vos achais num abismo de fraqueza e caís a cada instante, ide abismar-vos na forçado Sagrado Coração, que vos fortificará e vos livrará. Continue reading

Glória de Deus pela Encarnação – Continuação

Quinta-feira. Glória de Deus pela Encarnação - Continuação

Meditação para Quinta-feira da 2ª Semana do Advento

Sumário

Continuaremos a meditar a gloria que traz a Deus a Encarnação do Verbo; e para bem o compreender, consideraremos:

1.° Que, sem a Encarnação, o mundo nenhuma glória daria a Deus digna dEle;

2.° Que, pela Encarnação, o mundo dá a Deus uma glória infinita.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De nos conservarmos unidos a Jesus Cristo pela confiança, pelo amor, e por frequentes elevações de coração;

2.° De fazer todas as nossas orações e ações em união com Ele.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra do cânon da missa:

Tudo por Jesus Cristo, tudo com Jesus Cristo, tudo em união com Jesus Cristo
Per ipsum, et cum ipso, et in ipso.

Continue reading

Confia e Espera!

Meditação para o Dia 13 de Dezembro

Lucie-Christine é o pseudônimo que oculta o nome de uma grande mística contemporânea, que viveu em Paris e nos deixou, em seus escritos, luzes maravilhosas sobre a Bondade Infinita de Nosso Senhor. Ela escreveu em um diário íntimo, publicado pelo Pe. Poulain, S.J., esta nota breve e tão sugestiva:

“25 de agosto de 1882 – Bondade de Jesus sentida na Comunhão. – Morremos sem ter conhecido a bondade de Nosso Senhor, mesmo com estas inefáveis comunicações”

Continue reading

Sermão sobre o Amor pelos Prazeres

Sermão sobre o Amor pelos Prazeres

Sermão para o 3º Domingo da Quaresma

SUMÁRIO

Exordio. — A história do Filho pródigo é um quadro da vida humana e uma perfeita imagem das graças da penitência.

Proposição e divisão.1.° Os prazeres são mananciais de dores; 2.° As dores são mananciais de prazeres.

1.º Ponto. Como sucedeu com o pródigo, os cristãos que se entregam aos prazeres caem, pelo próprio excesso desses prazeres, num abismo de dores; e o corpo e a alma desses infelizes são vítimas de perniciosos efeitos; são como que escravos de si mesmos.

2.º Ponto. A semelhança do pródigo, podem por meio da dor, estar na posse tranquila duma perfeita alegria. As tristezas da Penitência são salutares, e são fecundas em consolações e alegrias.

Peroração. O homem desprendido dos prazeres não achará a morte inexorável, nem cruel.

Homo quidam habuit duos filios, et dixit adolescentior ex illis patri: Pater, da mihi portionem substantiœ quœ me contingit.

Um homem tinha dois filhos, e o mais novo disse um dia ao pai: Meu pai, dê-me a parte da herança que me cabe.

Continue reading

Glória de Deus pela Encarnação

Meditação para a Quarta-feira da 2ª Semana do Advento. Glória de Deus pela Encarnação

Meditação para Quarta-feira da 2ª Semana do Advento

Sumário

Meditaremos hoje a glória que traz a Deus o mistério da Encarnação. A glória de Deus consiste na manifestação exterior das suas infinitas perfeições: ora nós veremos que a Encarnação faz sobressair admiravelmente:

1.° O poder de Deus, unido a uma justiça e bondade infinitas;

2.° A misericórdia de Deus, unida a uma justiça e santidade infinitas.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De pedir muitas vezes a Deus um conhecimento sempre maior das Suas perfeições, para O amar sempre mais;

2.° De honrar as perfeições divinas com frequentes atos de amor acompanhados de uma profunda devoção, principalmente no lugar santo e na oração.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra de São João:

“O verbo se fez carne … e nós vimos a sua glória” – Verbum caro factum est… et vidimus gloriam ejus (Jo 1, 14)

Continue reading

Confiança-Barômetro

Meditação para o Dia 12 de Dezembro

“Nossa confiança – diz o Pe. Paulo de Jaeguer, S.J. – é, infelizmente, como um barômetro: abaixa com a chuva e sobe com o tempo bom” (1)

Sentimos na oração, na santa comunhão, um fervor delicioso, um recolhimento doce, lágrimas de ternura: sobe nossa confiança. Depois, vêm logo, muitas vezes, uma aridez torturante, fadiga, distrações na oração, provações, etc. Que frieza! Julgamo-nos tíbios e indiferentes. A tempestade, a chuva, a borrasca, as trevas. Nossa confiança desce e desce muito. Continue reading

Decreto eterno quanto ao modo da Encarnação

Meditação para a Terça-feira da 2ª Semana do Advento. Decreto eterno quanto ao modo da Encarnação

Meditação para Terça-feira da 2ª Semana do Advento

Sumário

Era já em Deus uma bondade infinita ter, desde toda a eternidade, decretado salvar-nos, e salvar-nos pela Encarnação; mas eis que agora se oferece às nossas meditações outro prodígio. Porque meio salvará o Verbo Encarnado o homem? A Santíssima Trindade decide em seus conselhos, que será:

1.° Pela humilhação;

2.° Pelo sofrimento;

3.° Pela morte.

— Depois de ter meditado estes profundos mistérios, tomaremos a resolução:

1.° De aceitar de bom grado todas as humilhações e frustradas esperanças do amor próprio, que nos sobrevierem;

2.° De submetermo-nos a todas as cruzes e provas da Providência;

3.° De oferecermo-nos a Deus como vítimas dignas da morte em virtude do pecado – Stipendia peccati mors (Rm 6, 23).

O nosso ramalhete espiritual será a palavra do Apóstolo:

“Fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho” – Cum inimici essemus, reconciliati sumus Deo per mortem Fili ejus (Rm 5, 10)

Continue reading

« Older posts

© 2018 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑