Tag: sofrimento (Page 2 of 12)

Amor do Sofrimento

Meditação para a Quinta-feira da Segunda Semana da Quaresma. Amor do Sofrimento

Meditação para a Quinta-feira da Segunda Semana da Quaresma

SUMARIO

Consideraremos:

1.° No mistério da transfiguração um grande ensino acerca do amor do sofrimento;

2.° No mesmo sofrimento a fonte dos maiores benefícios.

— Tomaremos depois a resolução:

1.° De sofrermos sem descontentamento ou queixume todas as contrariedades e tribulações que sobrevierem;

2.° De não ouvirmos a delicadeza que, por cuidados excessivos, busca subtrair-se a tudo o que molesta ou incomoda.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra de São Paulo aos hebreus:

“Ponhamos os olhos no autor e consumador da fé, Jesus, que, havendo-lhe sido proposto gozo, sofreu a cruz, desprezando a ignominia” – Aspicientes in auctorem fidei et consummatorem Jesum, qui, proposito sibi gaudio, sustinuit crucem, confusione contempta (Hb 12, 31)

Continue reading

Necessidade e Felicidade do Padecimento

Meditação para a Sexta-feira da 6ª Semana depois da Epifania. Necessidade e Felicidade do Padecimento

Meditação para a Sexta-feira da 6ª Semana depois da Epifania

SUMARIO

Temos, até aqui, considerado Jesus Cristo desde o momento da Encarnação até ao Seu Batismo por São João. Por toda a parte vimos o padecimento e o martírio. Meditaremos a profunda razão deste fato; é

1.° Porque padecer é uma necessidade;

2.° Porque padecer é uma felicidade.

— Tomaremos depois a resolução:

1.º De separarmos o nosso coração do amor do gozo e do prazer, e de o sacrificarmos a Deus, quando se oferecer a ocasião;

2.º De aceitarmos de boa vontade todas as penalidades da vida, sem murmurar nem queixarmo-nos.

O nosso ramalhete espiritual será a palavra do Evangelho:

“Bem-aventurados os que padecem” – Baeti qui… patiuntur (Mt 5, 10)

Continue reading

Fecundidade do Sofrimento

Meditação para o Dia 29 de Dezembro

O sofrimento é fecundo.

“O sofrimento – escreve a admirável Elizabeth Leseur (1) – o sofrimento atua de um modo impetuoso em nós, primeiro, por uma espécie de renovamento íntimo, em outros também, talvez muito longe e sem que saibamos neste mundo o trabalho que fazemos por eles. O sofrimento é um ato. Cristo fez mais na cruz pela humanidade do que falando e trabalhando na Galileia ou em Jerusalém. O sofrimento faz a vida: ele transforma tudo o que toca e tudo o que atinge”

Continue reading

É bom Sofrer para ser Bom

Meditação para o Dia 24 de Dezembro

“Quando se deseja saber o que vale uma alma – escreveu Lacordaire –, é mister tocá-la. E, se ela não dá o som do sacrifício, esteja ela coberta de púrpura, passai, passai! Não é uma alma!”

A dor é escola das almas, e não parece ter alma quem não sabe sofrer e se imolar. O sofrimento revela-nos as profundezas de nossa alma com toda a sua complexidade e mil delicadezas, e com isso nos revela também as profundezas de alma de nossos semelhantes. Saber sofrer é necessário, ao menos para se não fazer sofrer os outros. Continue reading

Almas Reparadoras

Meditação para o Dia 15 de Dezembro

Hoje, mais do que em tempo algum, o mundo, para se salvar, tem necessidade de almas generosas, de almas reparadoras.

“A necessidade de reparar – escreve o admirável Pe. Plus, S. J. (1) – não se impõe somente como dedução dos princípios sobre que assenta a nossa fé católica e, especialmente, a doutrina do Corpo Místico e o Dogma da Redenção, impõe-se também como consequência forçosa de um ensinamento formal, constante e muitas vezes repetido de Nosso Senhor! Não nos soa ao ouvido a palavra de Jesus: – Fazei penitência! Fazei penitência! Que é a penitência? Reparação. Continue reading

Amém! Amém! Amém!

Meditação para o Dia 04 de Dezembro

Veio a enfermidade, e o apóstolo, sequioso de almas, sonhando arrebatar e conquistar muitos corações para Jesus Cristo, vê-se reduzido a uma inação forçada, preso entre as paredes de um quarto de enfermo, numa solidão, quase abandonado. Deus assim o quis! E quem pode saber os desígnios da Providência? O Pe. Perreyve, que havia experimentado essa provação difícil, escrevia a um amigo em idêntica situação:

“Meu caro, Deus neste momento te faz uma pergunta estranha, pergunta que sempre repete Ele às almas que O desejam servir muito:

‘Meu filho, consentes em ser absolutamente nada?’

– Sim, Senhor.

– Pois então, pasce agnos meos… Super multa te constituam… Duc in altum… Coragem, meu amigo, demos tudo o que Jesus pede. Esta é a condição para a fecundidade de nosso apostolado e da felicidade no Céu, Amém! Soframos, Amém! Trabalhemos, ou nada façamos, o silêncio, a palavra, a doença, a força, a glória, a vergonha, a vida, a morte!… Amém! Amém! Amém!”

Continue reading

Como se deve Sofrer

Meditação para o Dia 01 de Dezembro

Nosso Senhor mesmo ensinou à confidente de Seu Coração, Soror Benigna Consolata Ferrero, como se deve sofrer e santificar a dor.

“Quando sofres – diz-lhe Jesus – quer interna quer externamente, não percas o merecimento da dor. Sofre unicamente por Mim. Neste ponto é que a maior parte das almas, muitas até piedosíssimas, perderam muitos merecimentos, contando o que sofrem a quem as quer ouvir, pois, embora não se queixem, nem por isso deixam de desejar a compaixão das criaturas. Quando o Meu Divino Coração manda o sofrimento, quer que seja recebido com paciência e resignação. Continue reading

A Oração dos Enfermos

Meditação para o Dia 31 de Outubro

O enfermo se purifica no sofrimento. Por oração lhe bastam estas palavras, muitas vezes repetidas:

“Meu Deus! Meu Pai! Faça-se a Vossa Santíssima Vontade!”

Basta que as recite mentalmente, se não o puder fazer com os lábios. O essencial é que saiam do coração. Aliás, o sofrimento já é em si uma oração. Que fazer a criatura se lhe tirar Deus a saúde e a reduzir a um estado penoso e difícil de inação? Blasfemar? Não, mas, pelo contrário, recitar esta jaculatória de amor resignado e confiante:

“Bendito seja Deus!”

Continue reading

Péssima Hospedaria!

Meditação para o Dia 15 de Outubro

Um dia Nosso Senhor disse a Santa Teresa:

“Considera minha viela cheia de sofrimentos e persuade-te de que aquele que é mais amado de meu Pai é também o que recebe mais cruzes; a medida do seu amor é também a medida do sofrimento que Ele envia. Em que poderia Eu melhor testemunhar-te minha predileção do que desejando para os que amo o que desejei para mim?”

Continue reading

Sofrer de todos e não fazer ninguém Sofrer

Meditação para o Dia 14 de Outubro

É uma regra de ouro da caridade cristã. Neste mundo nunca estamos sem alguma cruz, e cruz que nos vem do próximo. As desigualdades de gênio, condição, educação e caráter, geram mil aborrecimentos, mal-entendidos, questiúnculas e muitos outros males torturantes para o nosso espírito e que tanto nos afligem o coração… Paciência, alma cristã! Não convém acrescentar nova dor a outra dor. A perturbação, a impaciência, a vingança, aumentam o peso daquela cruz. Continue reading

« Older posts Newer posts »

© 2021 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑