Tag: perseverança (page 1 of 6)

Que Dias Sombrios!

Meditação para o Dia 14 de Janeiro

Há certos dias em que tudo parece estar conjurado contra nós, fazendo-nos sofrer. Desde cedo, os espinhos! Esquecimentos, desprezos, indiferença dos amigos, repreensões imerecidas, contratempos, dores físicas, mal-estar, cansaço! Ai, Jesus, que tédio, que dia triste e sombrio! Nessas ocasiões precisamos ter coragem e abraçar a cruz com generosidade. Não queremos penitências. Horrorizam-nos os cilícios, disciplinas e jejuns. Haverá jejum mais difícil do que se impõe à língua, quando ela quer queixar-se e até blasfemar? Continue reading

Tão Pouco, Senhor, o que Sofri!

Meditação para o Dia 13 de Janeiro

Aqui achamos horroroso o pouco que sofremos. Gememos, e tanta blasfêmia nos vem ao pensamento, e quase nos brota dos lábios, na hora das provações! E é tão pouco o que sofremos, tão pouco! Que nos reserva, entretanto, Nosso Senhor, no Paraíso? A felicidade eterna! Isto será, porventura, pouco? Somos, na verdade, insensatos e injustos, quando nos queixamos demais do sofrimento. Não sabemos medir a desproporção entre a recompensa que nos está reservada no Céu e o trabalho que, para merecê-la, somos chamados a realizar nesta vida. Os santos, já neste exílio abrasados no amor Divino, tão bem compreendiam esta verdade que se apaixonavam pelo sofrimento. Continue reading

O Trigo e a Palha

Meditação para o Dia 11 de Janeiro

Muita gente pensa ter a bênção de Deus só quando prospera, goza a vida e não tem ocasião de sofrer. É um engano, diz Santo Afonso de Ligório, porque é na adversidade e não na prosperidade que Deus prova a fidelidade de seus servos e separa o trigo da palha. Quem nas penas se humilha e se resigna à vontade de Deus, é o trigo destinado ao Paraíso. O que se orgulha e se impacienta, depois abandona a Deus, é a palha destinada ao inferno. Continue reading

O Repouso no Céu

Meditação para o Dia 03 de Janeiro

A vida é para a luta. No Céu é que há repouso. Aqui somos soldados em combate, só podendo descansar depois de alcançada a vitória. Nada de covardia nem de desânimo! É preciso que a morte nos venha encontrar com as armas na mão. A nossa peleja é pela conquista do Céu, onde encontraremos o repouso eterno, esse mesmo repouso que imploramos na prece pelos nossos defuntos quando dizemos:

“Dai-lhes, Senhor, o descanso eterno”

O sofrimento é o nosso purgatório na terra. Dura pouco, pois tudo passa depressa no mundo. Continue reading

Mais um Ano!

Meditação para o Dia 01 de Janeiro

Sem a cruz não podemos viver. Sem ela não nos salvaremos. Nosso Senhor disse:

“Quem não recebe a minha cruz e não me segue não é digno de mim” (1)

Nosso Divino Rei Crucificado abriu-nos a estrada real da santa cruz, a única que vai dar ao Céu. Como custa, Senhor, carregar o fardo tão pesado das amarguras da vida! Bem dizia Jó:

“A vida do homem na terra é um combate”

Continue reading

São Pedro por Cima das Águas

Meditação para o Dia 31 de Outubro

1. Os apóstolos, estando na barca, viram de repente Jesus, caminhando sobre o mar. São Pedro, por ardente amor, exclamou:

“Senhor, se és tu, manda-me que vá até onde tu estás, por cima das águas. Então Ele disse: Vem”

São Pedro foi, cheio de amor e de fé. Vindo, porém, um vento rijo, temeu e, começando a se submergir, exclamou, dizendo:

“Senhor, salva-me!”

Que repentina mudança! São Pedro, que nunca temia as ondas bravias, receia agora o vento! Como ele, talvez já venceste nas tentações os maiores perigos, caindo, de repente, por descuido. Pedes sempre humildemente, como o apóstolo: “Senhor, salvai-me”? Continue reading

É Bom estar com Jesus

Meditação para o Dia 05 de Outubro

1. Naquele tempo caminhou Jesus pelas searas em um sábado, e os seus discípulos, tendo fome, começaram a colher espigas e a comer“. Quão grande é a pobreza de Jesus e de seus discípulos! Nem possuem o necessário para saciar a sua fome. Tanto sofre por ti Jesus, teu Deus!… Os discípulos não se queixaram de tamanhas provações. Bastava-lhes a presença de Jesus, de que não queriam ser separados, ainda que tivessem de sofrer. E tu? Não O negas, não O deixas por qualquer bagatela? Ousas afirmar que, de fato, amas a Deus? Continue reading

Comemoração da agonia e oração de Jesus no Horto

Agonia e oração de Jesus no Horto

Et factus in agonia prolixius orabat – “E, posto em agonia, orava (Jesus) com maior instância” (Lc 22, 43)

Sumário. Imaginemos ver a Jesus, que, pela previsão dos tormentos e ignomínias que o esperavam, e muito mais da ingratidão com que os homens lhe haviam de pagar, cai em agonia no Horto e sua sangue; mas nem assim deixa de rogar a seu eterno Pai. É este o exemplo que devemos seguir, quando nos achamos em aflição e desolação. Unamos então as nossas penas às de Jesus; mas não deixemos de orar e de repetir com Ele: Pai, seja feita a vossa vontade.
Continue reading

Para ser santo é preciso desejá-lo muito

Quem quiser ser santo, deve desprender-se das criaturas, vencer as paixões, vencer-se a si próprio, amar as cruzes e sofrer muito

Beati qui esuriunt et sitiunt iustitiam; quoniam ipsi saturabuntur – “Bem-aventurados os que têm fome e se de justiça; porque eles serão fartos” (Mt 5, 6)

Sumário. Quem quiser ser santo, deve desprender-se das criaturas, vencer as paixões, vencer-se a si próprio, amar as cruzes e sofrer muito. Ora, o santo desejo, ao passo que nos dá força para praticar tudo isso, torna-nos a pena mais leve. Pode-se dizer que já é quase vencedor quem possui um grande desejo de vencer. Irmão meu, lança um olhar sobre a tua alma, vê se tens grande desejo da perfeição, e roga a Jesus e Maria que o façam sempre mais crescer em ti.
Continue reading

A Fé Viva

Meditação para o Dia 03 de Agosto

1. Não é a mesma coisa crer e ter uma fé viva.

“O justo vive pela fé”

A fé viva compenetrar-te-á das verdades eternas, de modo que sirvam de norma a todo o teu proceder. Na tentação a fé viva te faz lembrar: Deus me vê; eu ofenderia a meu Pai, benfeitor e tudo? Eu me exporia ao perigo de cair no inferno? O mundo engana com promessas vãs; a fé avisa: Só o eterno tem valor. Que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se vier a perder a alma? Tens esta fé realmente viva? Continue reading

Older posts

© 2018 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑