Tag: contrição

A Santa Confissão

Parte II
Capítulo XIX

Nosso Senhor instituiu na Sua Igreja o Sacramento da Penitência ou Confissão para purificar as nossas almas das suas culpas, todas as vezes que se acharem manchadas. Nunca permitas, Filotéia, que teu coração permaneça muito tempo contaminado do pecado, tendo um remédio tão eficaz e simples contra a sua corrupção. Uma alma subjugada por um pecado devia ter horror de si mesma; e o respeito devido aos olhos da divina Majestade a obriga a purificar-se dele o mais cedo possível. Ah! Por que havemos de morrer desta morte espiritual, tendo nas mãos um remédio tão eficaz para nos curar? Continue reading

A Cura do Paralítico

Meditação para o Dia 26 de Setembro

1. E eis que lhe apresentaram um paralítico prostrado num leito“. Tão triste como o estado do paralítico é o do pecador e do indiferente. Também este não tem uso das mãos e dos pés, porque nada faz para se salvar. O indiferente precisa, como o paralítico, de quatro que o guiem, levando-o a Jesus: deve refletir sobre seu triste estado, meditar a misericórdia de Deus, confiar nEle e amar sinceramente a seu Salvador. Quem se deixa levar por estes quatro guias, será salvo. Continue reading

O pecador aflige o Coração de Deus

Coração de Jesus desprezado

Exacerbavit Dominum peccator: secundum multitudinem irae suae non quaeret – “O pecador irritou ao Senhor: não se importa da grandeza de sua indignação” (Sl 9, 24)

Sumário. Não há dissabor maior do que ver-se pago com ingratidão por uma pessoa amada e beneficiada. Daí infere quanto deve estar amargurado o Coração sensibilíssimo de Jesus, que, não obstante os imensos e contínuos benefícios concedidos aos homens, é tão vilmente ultrajado pela maior parte deles, especialmente neste tempo de carnaval. Jesus não pode morrer; mas, se o pudesse, havia de morrer só de tristeza. Procuremos nós ao menos desagravá-Lo um pouco com os nossos obséquios.
Continue reading

Continuas a estar com Deus?

Meditação para Dia 15 de Fevereiro

1. a) “Filho, por que assim fizeste conosco?” disse Maria, que não podia abafar seu amor maternal. Chama-o carinhosamente de Filho, nada dizendo, porém, de sua divindade. Não quis manifestar o que pudesse contribuir para sua própria honra.

b) “Sabe que teu pai e eu te andávamos buscando cheios de aflição”

Maria fala em primeiro lugar, mas referindo-se antes a seu Esposo. Mais uma vez testemunha assim seu respeito e seu humilde amor ao chefe da família. Continue reading

É preciso estarmos sempre prontos para morrer

São Francisco de Assis

São Francisco de Assis

Et vos estote parati; quia, qua hora non putatis, Filius hominis veniet – “Vós outros, pois, estai preparados; porque na hora em que menos cuideis, virá o Filho do homem” (Lc 12, 40)

Sumário. Não nos diz o Senhor que nos preparemos quando chegue a morte, mas que estejamos preparados. Porque, como ensina a fé e a razão confirma, na perturbação e confusão da morte será quase impossível por em ordem uma consciência perturbada. Quantos pensavam que se poderiam converter nesse momento e estão agora ardendo no inferno? Dize-me, meu irmão: se a morte te viesse surpreender na primeira noite, estarias bem preparado? Procura fazer agora o que então quiseras ter feito. Continue reading

Suspiros de amor ao pé do Crucifixo

Paixão de Cristo: coloquemo-nos aos pés da Cruz e contemplemos o Amor de Cristo por nós

Pro omnibus mortuus est Christus, ut et qui vivunt iam non sibi vivant, sed ei qui pro ipsis mortuus est et resurrexit – “Cristo morreu por todos, para que também os que vivem já não vivam para si, mas para aquele que morreu por eles e ressuscitou” (2 Cor 5, 15)

Sumário. Levantemos os olhos e vejamos Jesus morto no patíbulo da cruz, o corpo coberto de chagas, das quais ainda dimana sangue. A fé ensina-nos que é Ele nosso Criador, nosso Salvador; aquele que nos ama mais do que qualquer outro e só nos pode fazer felizes. Expandamos diante d’Ele o nosso coração, fazendo atos de fé, de esperança, de arrependimento, de agradecimentos e de amor. Sobretudo façamos atos de oferecimento de nós mesmos, protestando que queremos empregar em amá-Lo toda a vida que ainda nos resta. Continue reading

Misericórdia de Deus em acolher os pecadores arrependidos

Reconciliação: Misricórdia de Deus

Non avertet faciem suam a vobis, si reversi fueritis ad eum – “Não apartará (Deus) de vós o seu rosto, se vós voltardes para Ele” (2 Cr 30, 9)

Sumário. Quão grande seja a misericórdia de Deus para com os pecadores, e quão grande a ternura do amor com que acolhe o pecador arrependido, bem o revelam as parábolas da ovelha desgarrada e do filho pródigo. Se no passado nós também temos pelo pecado abandonado nosso bom Pai e Pastor, não tardemos em voltar para Ele, resolvidos a nunca mais d’Ele nos apartarmos, custe o que custar, certos de que nos tratará como se nunca jamais o tivéssemos ofendido. Continue reading

© 2018 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑