Category: Meditações Diárias (page 1 of 27)

Diversas obras de Meditações Diárias para todos os dias do ano, a fim de buscarmos crescer em nossa Espiritualidade e intimidade com Deus.

Jesus pôs Preceito à Febre

Meditação para o Dia 23 de Setembro

1. A sogra de Simão padecia grandes febres, e pediram-lhe em favor dela“. Em que estado Jesus encontra a tua alma, quando vem a ti? Talvez tua alma sofra doenças ainda graves. Conhece-las? Manifesta-las ao Divino Médico? Há quem pede por ti: a Santa Igreja, Jesus mesmo, e talvez outros ainda, pais, irmãos, parentes, amigos… Só tu serás tão indiferente quanto à preciosa saúde de tua alma? Tu que com ela serás eternamente feliz ou infeliz? Continue a ler

A Pesca Milagrosa dos Apóstolos

Meditação para o Dia 22 de Setembro

1. a) Faze-te ao largo, e deitai as vossas redes para pesca“. Jesus entrou na barca de São Pedro. Só ele é o chefe da Igreja; só a ele mandou ir ao largo, embora mandasse a todos deitarem as redes.

b)Mestre, trabalhando toda a noite, nenhuma coisa apanhamos: porém, sobre a tua palavra, deitarei a rede“. Sem Jesus, todo trabalho é sem fruto. Trabalhando só por tua glória ou pelo mundo, no fim nada terás; entretanto, é tão fácil valorizar tuas ações pela boa intenção! Continue a ler

Jesus e o Régulo

Meditação para o Dia 21 de Setembro

1. Um régulo, dirigindo-se a Jesus, “rogava-lhe que descesse e curasse seu filho, que estava para morrer“. Mais importante do que para o pai era a cura do filho, deve ser para ti a cura da tua alma. O régulo fez o longo caminho de Cafarnaum a Caná, pessoalmente, para ter maior certeza de um resultado feliz. Cuidas com tamanho zelo da salvação e dos bens de tua alma imortal? Um outro não se pode encarregar desta tarefa; só tu mesmo és competente e responsável. Continue a ler

Jesus e a Samaritana

Meditação para o Dia 20 de Setembro

1. a) Por amor duma alma, a da Samaritana, Jesus caminhou até cansar e esperou no lugar onde ela havia de aparecer. Quantas vezes Jesus caminhou para te salvar a ti! Por que tardas em correr a Seus braços?…

b) Vindo, enfim, a Samaritana. Jesus disse-lhe:

“Dá-me de beber”

Mulher feliz, porque veio na hora em que era esperada. Jesus lhe pede pouco, para lhe dar muito. O pouco que te pede a ti, recompensará também fartamente. Não negas nada a Jesus? Continue a ler

A Inveja

Meditação para o Dia 19 de Setembro

1. Mestre, quem estava contigo da outra banda do Jordão, de quem tu deste testemunho, ei-lo aí, está batizando e todos vem a Ele“. Eis os discípulos de São João invejosos. Até pessoas santas veem-se tentados por este vício, que faz falar dos outros com desprezo e exagero.

Todos vem a Ele”

Os discípulos, zelando a honra de São João, visavam sua própria glória, que julgavam ameaçada. Nunca cedeste a este vício? Amas a glória de Deus mais do que a tua? A inveja, indigna do homem sob todos os pontos de vista, não deve entrar em teu coração. Continue a ler

Conversão de Nicodemos

Meditação para o Dia 18 de Setembro

1. Nicodemos, um dos príncipes dos judeus, veio a Jesus de noite. Tanta era a irritação dos fariseus contra Jesus, que Nicodemos, membro do Sinédrio, escolhe a hora noturna para não ser visto. Seu respeito humano merece alguma desculpa, porque ainda não conhecia bem a Jesus. Isto não dá, porém, contigo. Se preferes o respeito humano ao temor de Deus, nada tens que alegar em tua defesa. Nicodemos confessou a divindade de Jesus. Tu crês o mesmo; corresponde, porém, tua vida a esta crença? Nunca preferes a Deus pessoas ou coisas da terra? Continue a ler

Dois Templos

Meditação para o Dia 17 de Setembro

1. Causa verdadeira admiração ver como Jesus, ainda quase desconhecido entre os judeus, com pouquíssimos discípulos a segui-lo, pode aterrar tão grande multidão de mercadores que, embora seus negócios tivessem sido permitidos pelos sacerdotes, profanavam o templo. A Majestade Divina a lampejar-lhe no aspecto, foi a causa principal que os pôs em confusão e fuga. Qual é o teu comportamento na casa de Deus? Não provocaste nunca a teu Deus a tratar-te como aos profanadores do templo de Jerusalém? Que será de ti no tribunal de Deus, se mostrares pouco respeito num lugar infinitamente mais santo que o templo de Jerusalém? Continue a ler

Jesus e Maria num Casamento

Meditação para o Dia 16 de Setembro

1. É significativa a presença de Jesus nas bodas de Caná. Festas por justos motivos não são proibidas, desde que a elas presidam o temor de Deus, a pureza de consciência, a ordem e a sobriedade. É a própria Mãe de Deus que nesta ocasião socorreu, quando notara falta de vinho. Com as palavras “não tem vinho“, limitando-se a indicar que outros estavam embaraçados, exprime a sua fé no amor e na onipotência de Jesus. Se Maria intercede por outros, sem ser rogada, e ainda em coisas temporais, quanto mais te socorrerá, se a ela recorreres nas necessidades espirituais! Continue a ler

Jesus te Chamou a Segui-lO

Meditação para o Dia 15 de Setembro

1. a) André, um dos doze discípulos que tinham seguido a Jesus, dirigiu-se logo a seu irmão, dizendo:

“Achamos o Messias”

Eis o fruto da conversação com Jesus: André, venturoso, quer conseguir para outros a mesma felicidade. Por que tão cedo ficas aborrecido da conversação com Deus, da oração, da leitura espiritual, da palestra sobre coisas divinas? Fala a boca do que sente o coração!

b) Jesus olhou para Simão e deu-lhe o nome de Pedro. Para ti muitas vezes olhou, dando-te Suas graças depois de te ter distinguido com o nome de cristão. Correspondes à dignidade deste nome? Continue a ler

Aproveitas as Graças de Deus?

Meditação para o Dia 14 de Setembro

1. Ao outro dia, ainda João estava e dois de seus discípulos. E, vendo a Jesus, que passava, disse: ‘Eis ali o cordeiro de Deus’“. São João não perdeu nenhuma ocasião de dar testemunho de Jesus. Aproveitas assim todas as graças que Deus te oferece? Segues a todas as boas inspirações? Dos discípulos de João só dois seguem a Jesus. Deus dirige os corações. A ti, entre milhões, deu a verdadeira fé. Mostras-te grato por tamanha distinção? Não deixes de notar: o que aproveita a vocação, se não cumprires as obrigações todas? E mais: Quem te deu e ainda dá tantas graças que, talvez, não aproveitas, poderá, no futuro, dá-las a outros mais reconhecidos. Continue a ler

Artigos antigos

© 2017 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑