Capítulo XVI

Baptismo habeo baptisari, et quomodo coarctor un perficiatur? – “Eu tenho de ser batizado num batismo de sangue, e quão grande não é a minha angustia até que ele se conclua?” (Lc 22, 50)

Desiderio desideravi hoc pascha manducare vobiscum – “Tenho desejado ansiosamente comer convosco esta Páscoa, antes da minha paixão.” (Lc 22, 15)

Que enérgicas expressões! Oh! Como eles pintam ao vivo o incompreensível desejo que Jesus tinha de sofrer e imolar-se por nós!
Bem se deixa ver que saem da abundância do coração daquele que disse:

“Eu vim trazer fogo à terra e que quero eu, senão que ele se acenda?”

Ó filhos de Adão, compreendestes esta palavra do vosso Deus:

“Eu vim trazer à terra o fogo do meu amor e o meu mais ardente desejo é ve-lo atear-se no coração de todos os homens?”…

Ó meu Jesus, que tão grandes bens pois cuidáveis vós poder ganhar do amor das criaturas que para o obter assim quisestes morrer e tanto ansiastes esse desejo da vossa morte? Continue reading