Tag: missões

Missões… Observância (Julho, 1779)

19ª Carta Circular de Santo Afonso: Missões... Observância (Julho, 1779)

Aos Padres e Irmãos da Congregação do Santíssimo Redentor

Nota: Devido à idade e, mais ainda às enfermidades, julgava o Santo que seria esta a sua última Circular aos confrades; por isso como das outras vezes, insiste nos pontos capitais: a conduta em tempo de missões e a observância regular.

Pagani, 10 de julho de 1778.

Vivam Jesus, Maria e José!

A minha idade avançada e mais ainda as contínuas enfermidades, que não cessam de torturar-me, fazem-me crer que esta será a última recomendação que vos faço, meus caríssimos Padres e Irmãos. Justamente, por isso espero que haveis de por em prática as Recomendações que, em nome de Jesus Cristo, vos dirijo, considerando-as como um último penhor de meu amor para convosco. Continue reading

Êxito das Missões (Outubro, 1776)

18ª Carta Circular de Santo Afonso: Êxito das Missões (Outubro, 1776)

Aos Padres e Irmãos da Congregação do Santíssimo Redentor

Nota: O argumento da presente Circular é semelhante ao da precedente: fervor na observância e proveito das missões. Cada ano, o Santo torna a fazer recomendações especiais aos confrades.

Nocera, (outubro) de 1776.

Vivam Jesus, Maria e José!

Padres e Irmãos meus em Jesus Cristo. Estais vendo em que grandes aflições nos encontramos. Somos perseguidos de inimigos tão poderosos que, se Deus não nos protegesse, a Congregação estaria já destruída. Tudo se deve ao esforço do inferno, que quer ver destruída esta grande obra das missões por causa da guerra que lhe move; mas todo o inferno nenhum mal poderá fazer, se formos fiéis a Jesus Cristo. O que vos peço, portanto, é que lhe sejais fiéis. Continue reading

Oração… Missões (Novembro, 1775)

17ª Carta Circular de Santo Afonso: Oração... Missões (Novembro, 1775)

Aos Padres e Irmãos da Congregação do Santíssimo Redentor

Nota: Santo Afonso, vendo os esforços que os inimigos fazem para aniquilar a Congregação, redobra suas recomendações aos frades; e, depois de algumas breves exortações à oração e ao amor a Jesus e Maria, entra de novo no assunto das missões.

Nocera, 4 de novembro de 1775.

Vivam Jesus, Maria e José!

Caríssimos Confrades. Redobrai de fervor em vossas orações, porque nossos adversários estão empregando todos os esforços para nos arruinar.

Quero dar-vos, primeiramente, alguns conselhos gerais. Continue reading

Avisos para as Missões (Setembro, 1773)

15ª Carta Circular de Santo Afonso: Avisos para as Missões (Setembro, 1773)

Aos Padres da Congregação do Santíssimo Redentor

(Particularmente aos Superiores das Missões)

Nota: O Santo Fundador oferece nesta Circular algumas sugestões oportunas para o bom êxito das missões.

(Setembro de 1773 ?)

Vivam Jesus, Maria e José!

1) Não é necessário nem conveniente que todos os Padres de uma casa saiam para as missões; o Reitor faça, pois, a seleção dos que forem aptos e não estejam doentes. Continue reading

Espírito Religioso… Avisos (Agosto, 1765)

9ª Carta Circular de Santo Afonso: Espírito Religioso... Avisos (Agosto, 1765)

Aos Reitores, Ministros e Superiores de Missões

Nota: O santo Fundador, apesar dos cuidados de seu munus episcopal, não abandona o governo da Congregação; quer estar informado a respeito de tudo; e, quando nota alguma irregularidade, corre logo com remédios oportunos. Temos nove cartas circulares daquele tempo. Na presente recomenda vivamente a observância da Regra.

Santa Águeda, 27 de agosto de 1765.

Vivam Jesus, Maria e José!

Irmãos diletíssimos em Cristo Jesus.

Com grande pesar acabo de ouvir que decaiu muito o espírito dos súditos da Congregação. Peço a todos que de hoje em diante tenham cuidado, pois não posso ver nem tolerar o relaxamento da observância. Ouço que a pobreza e a mortificação já não agradam. Mas será que viemos à Congregação para viver comodamente e regaladamente? Nesse caso, teria sido melhor cada um ficar em sua casa. Continue reading

Missões (Agosto, 1755)

4ª Carta Circular de Santo Afonso: Missões (Agosto, 1755)

Aos Superiores das Missões

Nota: Santo Afonso observou que os missionários estavam abreviando as Missões, afã de pregar muitas. O Santo era contrário a isso, pois o que ele queria era a renovação das almas. Dai o tom preceptivo desta carta.

Nocera, agosto de 1755

Saibam todos os Superiores de missões ser minha vontade absoluta, sem interpretação, que, exceto algum caso de necessidade — o que raramente acontecerá — em todas as missões se satisfaça plenamente o povo do lugar, onde se prega a missão, acerca das confissões. Continue reading

© 2020 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑