Tag: dom henrique soares (page 1 of 4)

Meditação para o III Domingo da Páscoa

Dom Henrique Soares da Costa

Por Dom Henrique Soares da Costa

A Palavra de Deus deste Domingo do Tempo Pascal recorda-nos um fato histórico tremendo, ao mesmo tempo misterioso e doloroso: os judeus, povo a quem fora prometido o Messias, povo que esperou o Messias, não acolheu esse Messias! E tudo terminou num desastre:

“Vós rejeitastes o Santo e o Justo. Vós matastes o Autor da Vida. Vós O entregastes e O rejeitastes diante de Pilatos”

Eis, caríssimos: misteriosamente o Povo de Deus do Antigo Testamento não foi capaz de reconhecer o Messias que lhe fora enviado e o entregou a Pilatos, que O mandou crucificar.
Continue reading

Você tem realmente confiado no Senhor?

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,113-120
Agora, medite, pensando em Jesus, em Is 50,4-11

4«O Senhor Deus ensinou-me o que devo dizer, para saber dar palavras de alento aos desanimados. Cada manhã desperta os meus ouvidos, para que eu aprenda como os dis­cípulos. 5O Senhor Deus abriu-me os ou­vidos, e eu não resisti, nem recusei. 6Aos que me batiam apresentei as espáduas, e a face aos que me arrancavam a barba; não desviei o meu rosto dos que me ultrajavam e cuspiam. 7Mas o Senhor Deus veio em meu auxílio; por isso não sentia os ultrajes. Endureci o meu rosto como uma pedra, pois sabia que não ficaria enver­gonhado. 😯 meu defensor está junto de mim. Quem ousará levantar-me um pro­­­­­cesso? Compareçamos juntos diante do juiz! Apresente-se quem tiver qualquer coisa contra mim. 9O Senhor Deus vem em meu au­xílio; quem ousará condenar-me? Cairão todos esfrangalhados, como roupa velha, roída pela traça.»

10Quem de entre vós teme o Se­nhor e escuta a voz do seu servo? Mesmo que caminhe nas trevas, privado de luz, confie no nome do Senhor e firme-se sobre o seu Deus. 11Mas quanto a vós, que ateais o fogo, que preparais setas incendiárias, caireis nas chamas do vosso pró­prio fogo, por entre as setas que inflamas­tes. Assim vos tratará a minha mão, e haveis de jazer nos vossos tor­mentos.

Continue reading

Ele é o Salvador de todos, o Redentor do mundo!

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,105-112
Agora, medite, pensando em Jesus, em Is 49,1-9

1«Ouvi-me, habitantes das ilhas, prestai atenção, povos de longe. Quando ainda estava no ventre materno, o Senhor chamou-me, quando ainda estava no seio da minha mãe, pronunciou o meu nome. 2Fez da minha palavra uma es­pada afiada, escondeu-me na concha da sua mão. Fez da minha mensagem uma seta penetrante, guardou-me na sua aljava. 3Disse-me: «Israel, tu és o meu servo, em ti serei glorificado.» 4Eu dizia a mim mesmo: «Em vão me cansei, em vento e em nada gastei as mi­nhas forças.» Porém, o meu direito está nas mãos do Senhor, e no meu Deus a minha recom­pensa. 5E agora o Senhor declara-me que me formou desde o ventre ma­­terno, para ser o seu servo, para lhe reconduzir Jacob e para lhe congregar Israel. Assim me honrou o Senhor. O meu Deus tornou-se a minha força. 6Disse-me: «Não basta que sejas meu servo, só para restaurares as tribos de Jacob e reunires os sobreviventes de Israel. Vou fazer de ti luz das nações, para que a minha salvação che­gue até aos confins da terra.»

7Eis o que diz o Senhor, o redentor e Deus santo de Is­rael, ao desprezado e abandonado pe­las gentes, ao escravo dos tiranos: «Os reis hão-de levantar-se ao ver-te, os príncipes se prostrarão, porque o Senhor é fiel, porque o Santo de Israel te esco­lheu.» 8Eis o que diz o Senhor: «Eu respondi-te no tempo da graça e socorri-te no dia da salvação. Defendi-te e designei-te como aliança do povo, para restaurares o país e repartires as heranças devas­tadas, 9para dizeres aos prisioneiros: ‘Saí da prisão!’ E aos que estão nas trevas: ‘Vin­de à luz!’ Ao longo dos caminhos encon­tra­rão que comer, e em todas as dunas arranjarão alimento.

Continue reading

Jesus, o Servo Sofredor!

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,97-104
Agora, medite, pensando em Jesus, em Is 42,1-9

1«Eis o meu servo, que Eu amparo, o meu eleito, que Eu preferi. Fiz repousar sobre ele o meu es­pírito, para que leve às nações a verdadeira justiça. 2Ele não gritará, não levantará a voz, não clamará nas ruas. 3Não quebrará a cana rachada, não apagará a mecha que ainda fumega. Anunciará com toda a fidelidade a verdadeira justiça. 4Não desanimará, nem desfalecerá, até estabelecer na terra o direito, as leis que os povos das ilhas esperam dele. 5Eis o que diz o Senhor Deus, que criou os céus e os estendeu, que consolidou a terra com a sua vegetação, que deu vida aos seus habitantes, e o alento aos que andam por ela. 6Eu, o Senhor, chamei-te por causa da justiça, segurei-te pela mão; formei-te e designei-te como aliança de um povo e luz das nações; 7para abrires os olhos aos cegos, para tirares do cárcere os prisioneiros, e da prisão, os que vivem nas trevas. 8Eu sou o Senhor, este é o meu nome, a ninguém cedo a minha glória, nem aos ídolos a honra que me é devida. 9Os primeiros acontecimentos já se cumpriram. Agora anuncio algo de novo e comunico-o a vós antes que aconteça.»

Continue reading

Só o Senhor é eterno; nós passamos!

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,89-96
Agora, leia com piedade, com atenção e um coração que escuta Dt 31 – 34

Dt 31, 1Moisés dirigiu ainda estas palavras a todo o Israel: 2«Tenho cento e vinte anos; já não posso andar de um lado para o outro. Além disso, o SENHOR disse-me: ‘Não atravessarás o Jordão.’ 3O SENHOR, teu Deus, passará, Ele mesmo, à tua frente; exterminará esses povos diante de ti e desalojá-los-ás. Josué passará à tua frente, como o SENHOR afirmou. 4O SENHOR lhes fará, como fez a Seon e Og, reis dos amorreus, e à terra deles, que Ele destruiu. 5O SENHOR te entregará esses povos e procederás com eles segundo os mandamentos que te ordenei. 6Sê forte e valente! Não temas, nem te aterrorizes à vista deles. Pois, o SENHOR, teu Deus, vai contigo; não te deixará sucumbir nem te abandonará!» Continue reading

Nosso coração deve ser todo do Senhor e todo para o Senhor!

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,65-72
Agora, leia com piedade, com atenção e um coração fiel, um coração que escuta Dt 26

1«Quando entrares na terra que o SENHOR, teu Deus, te há-de dar em herança e dela tomares posse e ali habitares, 2tomarás as primícias de todos os frutos que colheres da terra que te há-de dar o SENHOR, teu Deus; pô-los-ás num cesto e apresentá-los-ás no lugar que o SENHOR, teu Deus, tiver escolhido para aí habitar o seu nome. 3Apresenta-te ao sacerdote de serviço nessa altura e diz-lhe: ‘Declaro hoje, perante o SENHOR, teu Deus, que entrei na terra que o SENHOR tinha jurado a nossos pais que nos havia de dar.’ 4O sacerdote receberá o cesto da tua mão e o depositará diante do altar do SENHOR, teu Deus. Continue reading

Retidão e Justiça do Senhor

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,57-64
Agora, leia com piedade, com atenção e um coração que escuta Dt 25

1«Quando houver uma questão entre dois homens, eles se apresentarão no tribunal e serão julgados; será absolvido o inocente e condenado o culpado.

2Se o culpado merecer a flagelação, o juiz o mandará deitar por terra e o fará açoitar na sua presença com um número de açoites proporcional ao seu delito. 3Não poderá infligir-lhe mais de quarenta açoites, para não atingir tal ferimento que o teu irmão fique abatido aos teus olhos.

4Não porás o cofinho ao boi que debulha.» Continue reading

O Senhor Deus somente age por amor!

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,49-56
Agora, leia com piedade, com atenção e um coração que escuta Dt 23 – 24

Dt 23, 2«Nem o castrado nem o que for mutilado sexualmente serão admitidos na assembleia do SENHOR. 3O filho ilegítimo não será admitido na assembleia do SENHOR; nem mesmo a sua décima geração poderá ser ali admitida. 4Um amonita ou um moabita não serão admitidos na assembleia do SENHOR; nem mesmo a sua décima geração poderá jamais ser ali admitida, 5porque não vos ofereceram pão e água no caminho, quando saístes do Egipto; além disso, porque aliciaram contra ti Balaão, filho de Beor, de Petor, em Aram-Naaraim, para que ele te amaldiçoasse. 6Mas o SENHOR, teu Deus, não quis escutar Balaão e transformou a maldição em bênção, porque o SENHOR, teu Deus, te ama. 7Não te interesses jamais pelo bem deles nem pela sua prosperidade, em toda a tua vida. Continue reading

Meditação para o V Domingo da Quaresma

Dom Henrique Soares da Costa

Caríssimos, às portas da Semana Santa, concentremos, neste Domingo, todo o nosso olhar no Senhor nosso, Jesus Cristo, e na Sua missão salvadora. A partir deste Domingo, o tema principal da Quaresma é Jesus, o Enviado do Pai, no mistério tremendo da Sua Paixão, Morte e Ressurreição! O nosso olhar, portanto, dirija-se a Jesus, nosso Senhor! Para isto, comecemos pelo belíssimo evangelho de hoje. Contemplemos o Senhor! Contemplemo-Lo com os olhos, contemplemo-Lo com a fé, contemplemo-Lo com o coração!

Jesus estava no interior do Templo de Jerusalém, no pátio interno, chamado Pátio de Israel. Ali, nenhum pagão podia entrar, sob pena de morte. Os pagãos eram excluídos do culto do Povo de Deus! Pois bem, dois gregos, dois pagãos, aproximaram-se de Filipe, que certamente estava na parte mais externa, no chamado Pátio dos Gentios, até onde qualquer pessoa podia chegar… Dois gentios, que procuravam com fervor o Deus de Israel, tanto que “tinham subido a Jerusalém para adorar durante a festa”… Certamente, moravam na Galileia, em alguma das cidades habitadas pelos gentios, como Tiberíades, por exemplo… Com humildade, eles pedem:

“Gostaríamos de ver Jesus!”

Continue reading

Tenho buscado melhorar minha Vida Cristã?

Dom Henrique Soares da Costa
Reze o Salmo 119/118,41-48
Agora, leia com piedade, com atenção e um coração que escuta Dt 21,22 – 23,1

Dt 21, 22«Quando um homem tiver cometido um crime de morte e for condenado, será enforcado. 23Não deixarás o seu cadáver permanecer de noite na forca; procurarás enterrá-lo no mesmo dia, pois o enforcado é uma maldição de Deus, e não deves manchar a tua terra, que o SENHOR, teu Deus, te dará por herança.»

Dt 22, 1«Se vires perdidos o boi ou a ovelha do teu irmão, não te desvies deles; mas leva-os ao teu irmão. 2Se o teu irmão não estiver próximo de ti e não o conheceres, recolhe o animal em tua casa, onde permanecerá até que o teu irmão o reclame e lho entregues. 3Procederás do mesmo modo com o seu jumento, com a sua capa ou com qualquer outra coisa perdida pelo teu irmão e encontrada por ti. Não te desviarás desse objecto. Continue reading

Older posts

© 2018 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑