Meditação para o Dia 20 de Abril

1. Mas o anjo, falando logo, disse às mulheres: Vós outras não temais, porque sei que procurais a Jesus, que foi crucificado“. Aparecendo o anjo aos guardas, o seu aspecto era como de um relâmpago; às piedosas mulheres, porém, apareceu como jovem, coberto de roupa branca. A má consciência tem de temer a Deus e a seus anjos; a boa vê neles seus consoladores e protetores. As mulheres tinham acompanhado a Jesus em sua paixão, e Ele, por seu anjo, agora as consolava.

2. a)Não está aqui, porque ressuscitou, como disse“. Elas o procuram no sepulcro, alegrando-se ao saberem da sua gloriosa ressurreição. Onde procuras teu Jesus? Se entre divertimentos ou criaturas, terás a mesma resposta:

“Não está aqui”

b) Examina-te, se já ressurgiste espiritualmente, deixando o sepulcro do pecado e das más inclinações. Se ainda não evitas o que te leva a ofender a Deus, estás ainda no sepulcro. Ressurge! Quem sabe se amanhã ainda o poderás! A graça de Deus, quando menosprezada, talvez nunca mais voltará. Chorarás, mas será tarde.

Voltar para o Índice de Meditações Diárias do Frei Pedro Sinzig

(Sinzig, Frei Pedro. Breves Meditações para todos os Dias do Ano. 8ª Ed. Editora Vozes, 1944, p. 125)