Meditação para o Dia 26 de Agosto

1. No exército de Jesus há cargos e lugares muito diferentes. Todos os soldados de Jesus combatem o pecado; quanto mais, porém, alguém pelejar contra o demônio, o mundo e a própria carne, seguindo o exemplo do supremo chefe, tanto mais elevado é o seu lugar. Todos os soldados de Jesus devem odiar e evitar o pecado grave, ainda que tivessem de renunciar a todas as coroas da terra e de sujeitar-se às mais duras penas. Vida eterna ou morte perpétua, eis o dilema.

2. a)Mais perto de Jesus estão as almas puras que evitam também o pecado venial. Nunca o cometerão voluntariamente, nem por todo o ouro da terra, nem por medo dos mais horrorosos tormentos. Basta-lhes saber que ofende a seu bom Deus.

b) Mas ainda há soldados mais nobres, com armas mais luzentes, em postos mais elevados. São os que procuram unicamente a Jesus; que escolheram para sua parte a pobreza e castidade de Jesus e lhe voltaram obediência em tudo. Não lhes é suficiente nunca ofender a Deus; não querem deixar sozinho a seu Jesus em Sua voluntária pobreza e humilhação.

Onde achas neste exército de Cristo? Ao lugar corresponde o prêmio eterno.

Voltar para o Índice de Meditações Diárias do Frei Pedro Sinzig

(Sinzig, Frei Pedro. Breves Meditações para todos os Dias do Ano. 8ª Ed. Editora Vozes, 1944, p. 253)