Na Hora da Morte

Meditação para o Dia 21 de Maio

1. Que se dará contigo no leito da morte? Cercado dos teus, esperarás o último momento que já te anunciaram e que mais e mais se aproxima. Tuas mãos trêmulas já não podem sustentar o Crucificado; teus olhos vítreos e ofuscados fixam um olhar lânguido na imagem de Jesus; teus lábios frios, pela última vez, invocam seu santo nome; teus ouvidos cerram-se às palavras dos circunstantes; tua imaginação está submergida em mortais tristezas; cai tua última lágrima; desaparece o mundo, daí a pouco está longe de ti, e tu – estás morto.

2. a) Vencerás o demônio que na última hora te tentará? Como, enfraquecido pela doença, vencerás, se na robustez de tua vida não o conseguistes? Vence-te agora e recomenda frequentemente tua última hora a Maria Santíssima e a São José.

b) Na terra, em breve, serás mais ou menos esquecido. Pobre sorte, a de teu corpo! E tua alma? Pensa muito na morte, que bem te ensina o valor da terra e de seus bens.

Para os bons, é a libertadora; para os maus, vingadora tremenda.

Voltar para o Índice de Meditações Diárias do Frei Pedro Sinzig

(Sinzig, Frei Pedro. Breves Meditações para todos os Dias do Ano. 8ª Ed. Editora Vozes, 1944, p. 156)

1 Comment

  1. Maria Do Socorro Brasileiro Almeida

    21 maio, 2017 at 13:20

    A Morte É Uma Passagem Para Vida Eterna. Para Aqueles Que Crê . E Procura Vivência Uma VIDA De Humildade Para Com Seu Próximo.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

© 2017 Rumo à Santidade

Theme by Anders NorenUp ↑