Meditação para o Dia 21 de Dezembro

1. E iam todos para se alistar, cada um à sua cidade. E subiu também José… a Belém… para se alistar com sua esposa Maria“. A Providência Divina serviu-se do decreto desse recenseamento para dar cumprimento à profecia de Miquéias, de que o Messias nasceria em Belém, fazendo que os próprios documentos coligidos pelos historiadores profanos registrassem o nascimento de Jesus e atestassem não ser Ele um mito. A fé não tem nada a recear dos resultados da ciência. Vê também, nesta viagem a Belém, quão grande a obediência de José e de Maria! Quão grande a humildade do Verbo Encarnado!

2. A viagem foi sem dúvida penosa, particularmente para a Santíssima Virgem, não tanto por seu estado, mas por sua tenra idade de 14 a 15 anos e pelos incômodos próprios de tão longas viagens, sobretudo porque sobrevieram o rigor do tempo e a pobreza dos viajantes. Todavia, Maria e José, longe de se queixarem, atendiam unicamente a agradarem em tudo a Deus e a se prepararem em tudo a Deus e a se prepararem para o grande mistério que em poucos dias havia de realizar-se. Eis o modelo a seguir.

Voltar para o Índice de Meditações Diárias do Frei Pedro Sinzig

(Sinzig, Frei Pedro. Breves Meditações para todos os Dias do Ano. 8ª Ed. Editora Vozes, 1944, p. 370)